google-site-verification: google0decf4d5dff2e927.html www.jornaldealvorada.com
 

Alvorada tem noite violenta com registro de homicídio


Atiradores alvejaram vítimas que estavam dentro de caminhão | Foto: Record TV RS


A cidade de Alvorada teve a noite dessa segunda-feira marcada pela violência, sendo registrado um homicídio e um feminicídio. Na rua Marquês do Pombal, no bairro Americana, um homem morreu e outro ficou ferido ao serem alvejados por disparos de pistolas calibre 380, vindos de uma dupla armada que apareceu no local.

As vítimas, que trabalham com fretes, estavam em um caminhão Hyundai HR estacionado em uma esquina. “Eles estavam ali com o caminhão que usavam para esse serviço. No entanto, naquele momento, eles não estavam fazendo frete. Em um dado momento apareceram dois indivíduos por trás do veículo. Um chegou no lado do motorista e o outro no lado do carona, eles conversaram por alguns segundos e começaram a efetuar os disparos”, explicou o delegado plantonista Gabriel Casanova. “Não excluímos nenhuma hipótese”, frisou.

Uma das vítimas teve óbito no local. Já a outra, ferida nas costas, conseguiu descer do caminhão e correr pelas ruas do bairro até obter socorro, sendo hospitalizada. “A principal linha de investigação, ainda que tenha alguns elementos, inicialmente será sobre um homicídio consumado e tentado”, observou o delegado Gabriel Casanova.

O caso será apurado pelo titular da Delegacia de Polícia de Homicídios e Proteção à Pessoa (DPHPP) de Alvorada, sob comando do delegado Edimar Machado.

“Em um primeiro momento parece latrocínio, mas o estranho é que, segundo apurado, ao disparar contra a vinha que morreu. A outra vítima saiu correndo do veículo e foi perseguida pelos atiradores, o que não é comum em latrocínios”, avaliou o delegado Edimar Machado.

“Outra coisa que foi apurado é que parece que as vítimas tinham algum encontro, possivelmente com os atiradores, pois eles estariam procurando um endereço”, acrescentou.

 
Jornal de Alvorada