google-site-verification: google0decf4d5dff2e927.html www.jornaldealvorada.com
 

Foragido por latrocínio e ocultação de cadáver é preso em Alvorada 12 anos após crimes

Crimes aconteceram em Eldorado do Sul. Homem teve a prisão preventiva decretada em 2013 e, desde então, não foi mais localizado pela polícia. Caso será remetido ao Poder Judiciário para julgamento.

A Polícia Civil prendeu, nesta quarta-feira (2), em Alvorada, na Região Metropolitana de Porto Alegre, um homem foragido pelos crimes de latrocínio e ocultação de cadáver cometidos há 12 anos.

Conforme a Polícia Civil, o homem sequestrou a vítima e usou seus cartões bancários antes de matá-la, em Eldorado do Sul, também na Região Metropolitana. O corpo foi escondido em local desconhecido.

A prisão preventiva do indivíduo havia sido decretada em 2013. Desde então, o homem era procurado. Enquanto não fosse capturado, o foragido não seria submetido a julgamento, afirma a polícia. Agora, o caso será encaminhado para o Poder Judiciário.

"Foi uma atuação cirúrgica no combate à criminalidade na Região Metropolitana e que revelou a efetividade do trabalho da polícia", afirma o diretor da 2ª Delegacia de Polícia Regional Metropolitana, Mario Souza.

A prisão ocorreu durante operação de combate a crimes de roubo, coordenada pelo delegado Guilherme Dill. Durante os trabalhos, os agentes coletaram informações para localizar o foragido. Ao verificar que o indivíduo se encontrava em Alvorada, foi possível a captura.

A investigação acredita que outras pessoas auxiliaram o homem com esconderijos. Desde então, o foragido teria mudado de município diversas vezes.

Segundo a polícia, o indivíduo também possui antecedentes policiais por crimes de estupro, estelionato e furto. O preso foi encaminhado ao sistema prisional.

 
Jornal de Alvorada