google-site-verification: google0decf4d5dff2e927.html www.jornaldealvorada.com
 

Homenagens ao vendedor espancado e morto são prestadas em frente ao açougue em Alvorada

Flores, fotos e cartazes com pedidos de justiça estão sendo depositados na fachada do estabelecimento comercial.

Loja permanece fechada desde o dia do crime | Foto: Alina Souza / CP


Flores, fotos e cartazes com pedidos de justiça estão sendo depositados na fachada do açougue de Alvorada, onde o vendedor de lanches Wagner de Oliveira Lovato, 40 anos, foi espancado e morto na calçada no final de semana passada. O estabelecimento comercial permanece fechado. A reportagem do Correio do Povo esteve na manhã desta sexta-feira no local.

Já na manhã deste sábado, os familiares e amigos da vítima promovem uma passeata por justiça na cidade. A caminhada começa às 10h, com saída em frente da sede da Prefeitura de Alvorada e término previsto no estabelecimento comercial, na avenida Presidente Getúlio Vargas. O ato será pacífico, sendo incentivado o uso de balões brancos, flores e cartazes usando a frase “Justiça pelo Wagner Lovato”.

A direção do açougue divulgou na quinta-feira uma nova nota oficial na qual lamentou a agressão e a morte da vítima, ocorridas depois de uma reclamação pelo preço da carne. “Em respeito à sua família e amigos, a loja seguirá fechada nesta semana. Estamos profundamente consternados com este episódio inexplicável. Não toleramos, nem admitimos, nenhum tipo de violência”, manifestou-se a direção no comunicado.

 
Jornal de Alvorada